quinta-feira, 26 de junho de 2008

Notícias fresquinhas!!!!

Após uma mudança turbulenta e quinze dias de adaptação, finalmente encontro num tempinho pra contar as novidades.
A mudança foi como toda mudança: estressante, cheia de muito trabalho e problemas de adaptação. E quem sentiu mais toda essa diferença foi o Michel.
Sei que gatos são sensíveis a coisas que mudem a sua rotina, e meus quatro filhinhos foram guerreiros: agüentaram cinco horas dentro da caixinha de transporte para chegarem aqui em Ribeirão, suportaram uma casa completamente diferente, pessoas entrando e saindo toda hora pra montar as coisas, agüentam ainda olharem cobiçosos pela janela um jardim cheinho de passarinhos que eles não podem pegar... (sair no quintal, por enquanto, nem pensar!), entre tantas outras coisas...
Era de se esperar que a resistência deles baixassem um pouco, mas o que me surpreendeu foi a sensibilidade do Michel.
Meu loirinho pegou uma rinotraqueíte forte e está em tratamento há uma semana. O problema é que os remédios atacam o estômago sensível do peludo e, além dos vômitos constantes, ele não quer comer nada e nem beber, e fica amuadinho pelos cantos da casa. É de cortar o coração!
E eu, a dona carrasca, além de forçar o remédio goela abaixo do menino, ainda tenho que forçar água para que ele não desidrate. Ainda bem que aqui tem veterinário que atende a domicílio!
No mais as coisas estão se encaixando. Os demais piludos estão perfeitamente adaptados, e adoraram a casa nova que tem bem mais espaço que a velha. A única coisa que sentem falta é que, nessa époica do ano, não bate sol dentro da casa e ela está sempre fresquinha (no verão deve ser uma delícia!).
Logo escrevo mais pra dar notícias do Michel!
Beijos!



4 comentários:

Cláudia disse...

óh...melhoras pro Michel!!!! e bjinhos para todos!
=^.^=
Cláudia

disse...

ah, tadinho! manda um beijo pra ele e diz que a vida é assim mesmo, cheia de surpresas e mudanças... :)

seus gatos são lindos!!!

Lina Gatolina disse...

Bem vinda, Família!
Adorei saber que já chegaram...
Denise

Gatum disse...

Ô judiação...
Mas depois que ele perceber os praseres de viver numa casinha com quintal vai superar tudo!
Como ele está? melhorou?
Bjs!